sexta-feira, junho 10, 2005

PREFEITURA PODE COMPROMETER A REPOSIÇÃO DAS AULAS E PREJUDICAR ALUNOS E GREVISTAS

No dia 10 de junho aconteceu a primeira reunião de negociação. A PBH apresentou um texto com a sua proposta para a categoria.(anexo)
Os temas debatidos foram: processos administrativos, corte de ponto e reposição de aulas.
No primeiro momento, a comissão apresentou a proposta (documento anexo, número 3, item e): "os dias cortados em função da greve somente serão pagos após a sua reposição".
Após debate acerca da proposta, a comissão da PBH pediu para retirar-se e discutir as questões levantadas pela comissão da categoria. Ao voltarem, apresentaram a seguinte proposta:
1) Realização de uma reunião entre SMED e a categoria para discutirem questões gerais do calendário, em reunião marcada para quarta-feira, dia 15/06.
2) Realização de nova reunião entre nós e a comissão geral da PBH, no dia 16/06, às 11 horas, para, diante do acordo de pontos gerais do calendário entre SMED e categoria, discutir um percentual do pagamento a ser efetuado imediatamente para quem teve corte de salário. Além disso, as pessoas que ainda não tiveram o ponto cortado receberão o mesmo tratamento em julho.
3) Apresentar um relatório dos processos administrativos referentes à educação para discussão na reunião do dia 16/06.
Diante disso, a comissão de negociação da categoria está convocando representantes de todas as escolas para avaliarmos a proposta e discutirmos o encaminhamento desta questão.
As demais questões contidas no documento não foram discutidas, entretanto, estamos enviando o mesmo para o conhecimento de todas as escolas.

DIA 14 DE JUNHO
14 HORAS SUBSEDE DA REDE
PAUTA: PROPOSTA DA PBH PARA REPOSIÇÃO DE GREVE E PAGAMENTO DO SALÁRIO

3 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Acredito que a PBH quer nossas cabeças e isso ela mostra quando pretende pagar uma porcentagem dos dias cortados para que haja reposição e só depois pagar o restante. Acho que não deveríamos aceitar isso! Ou paga nosso dia completo ou não repomos! Além de voltar para a escola com o rabinho entre as pernas, vamos deixar eles nos manipularem dessa forma?
Cristiane

10:42 PM  
Blogger chico said...

Devemos exigir o pagamento imediato, caso cntrário, nada de reposição. Imagine se a PBH resolve nos pagar o salário dos dias parados (picadinho), será um caos.

10:44 AM  
Anonymous INDIGNADO said...

concordo plenamente,colega

10:52 AM  

Postar um comentário

<< Home