segunda-feira, junho 06, 2005

A Incapacidade Administrativa do PT em Geral:

Deu no Jornal Nacional: Servidores Públicos Federais estando em greve, receberam a “FANTASTÍCA PROPOSTA DE REAJUSTE SALARIAL DE 0.1%”.
Olhem o escândalo: Para um trabalhador que ganha em torno de R$ 1500, 00, isto representa o fantástico aumento de R$ 1, 50 no salário!
Agora eu me pergunto: Será que a pessoa responsável por esta proposta sabe calcular percentagem ou quis humilhar?
Um reajuste de 0,1% é brincadeira!
E é isto que nos espera companheiros! Quando a secretária de educação diz que se a greve acabar vai negociar, podem esperar: Provavelmente, virá com o índice de.
0,3% e ainda vai se dar ao luxo de dizer na TV que tivemos uma proposta três vezes maiores que a dos servidores federais!

Portanto, defendo:

- Suspensão temporária da greve ate o pagamento,
- Não apresentar calendário de reposição de dias cortados – até que apareça alguma proposta de negociação e depósito dos dias cortados
- Retorno imediato à greve após o pagamento dos dias cortados,
- Solicitação de aumento real – temos que parar com esta mania de achar que só
merecemos correção salarial – Por que não podemos
ter um aumento real também, como todos os da.
administração teve?
- Se persistir o corte de ponto, a NÃO REPOSIÇÃO DOS DIAS PARADOS,
- Caso haja negociação: A REPOSIÇÃO DE DIAS PARADOS SEREM FEITAS SOMENTE AOS SÁBADOS – NADA DE SACRIFICAR RECESSOS E FÉRIAS
- A conscientização de alunos, pais e comunidade, lembrando a eles de dar o troco através de um instrumento denominado URNA, visto que o desgaste deles e dos alunos não se devem ao fato de estarmos em greve, mas ao fato dos administradores, através da incompetência administrativa, postura infantil ao misturar fatos da vida particular com o profissional (Pilar), revanchismo e autoritarismo, levar toda a categoria ao extremo de uma greve, talvez até desnecessária, se fosse mais profissionais e não misturassem as coisas.

1 Comments:

Anonymous Anônimo said...

Fora da realidade!

4:05 PM  

Postar um comentário

<< Home